26/05/2020 às 17h16min - Atualizada em 26/05/2020 às 17h16min

MG tem recorde de casos em um dia; são registrados 23 a cada 1 hora

JOTA B SILVA
SES-MG
Segundo informações  Minas Gerais superou, nessa terça-feira (26), um triste recorde da pandemia de coronavírus: com base nos novos dados este foi um dos mais auto”,  número de casos registrados desde a véspera. Entre segunda-feira (25) e a manhã, do  dia (26).

A Secretaria de Estado de Saúde (SES-MG) confirmou a existência de novos 554 diagnósticos positivos para Covid-19, média de 23 casos por hora. Agora, são 7,516 mineiros infectados pelo vírus desde o mês de março – eram 6,962 na segunda. A pasta calcula que o pico da doença no Estado acontecerá em 10 de junho, daqui a pouco mais de duas semanas.

Numero de Óbitos 

O número de mortes também aumentou, segundo o relatório do órgão publicado nesta terça-feira dia (26). Duzentas e trinta e quatro pessoas morreram na região após serem infectadas pelo coronavírus, sendo que a maior parte das mortes está concentrada em Belo Horizonte. Quatro novos óbitos foram confirmados nas últimas 24 horas – um deles foi na  capital mineira, que já perdeu 43 moradores em decorrência da Covid-19.

O processo de interiorização da pandemia acontece de forma acelerada em Minas Gerais. Dos 853 municípios do Estado, há casos de coronavírus em pelo menos 397 – os números apontados pelas secretarias municipais de Saúde levam alguns dias até serem computados pela pasta estadual.

Lentidão na atualização  de Óbitos. 

Há também certa lentidão na confirmação das mortes, que, segundo a própria Saúde, têm até 60 dias para serem contabilizadas no sistema do Ministério da Saúde. Os óbitos pelo coronavírus já foram registrados em 96 municípios de Minas Gerais.

 

Uberlândia e Juiz de Fora

Depois de Belo Horizonte, as cidades de Uberlândia, no Triângulo Mineiro, e Juiz de Fora, na Zona da Mata, são as que detêm os maiores números de casos e mortes pela doença. A segunda maior concentração de casos em Minas Gerais está em Uberlândia, com 601 até esta terça-feira – na capital mineira, foram confirmados 1.491 diagnósticos. Aconteceram 15 mortes em decorrência da doença no município.

Juiz de Fora, até semana passada, tinha o segundo maior número de casos, mas agora é a terceira cidade nessa condição. Há 519 diagnósticos positivos para a Covid-19 e 26 mortes causadas pela infecção – a segunda maior quantidade no Estado, uma vez que são 43 mortes em BH.

Quatro óbitos

Entre segunda e terça-feira, a pasta confirmou mais quatro mortes em quatro diferentes municípios de Minas Gerais em decorrência do coronavírus. O óbito mais antigo aconteceu em Pirapora, em 20 de maio, e trata-se de uma senhora de 90 anos. As outras três mortes aconteceram em Uberlândia, Materlândia – no Rio Doce – e Belo Horizonte, sendo que os pacientes tinham idades entre 48 e 80 anos. Os óbitos em Materlândia e Pirapora são os primeiros ocorridos nesses municípios tendo a Covid-19 como causa. O município do Rio Doce não tinha sequer um caso de coronavírus até a confirmação dessa morte. 


 
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
visitas

total_visits

views

total_views

A pandemia de covid-19 colocou o mundo diante de um dilema: com o número de casos explodindo e um estoque limitado de doses de vacinas, quem deve ser imunizado primeiro?

36.7%
63.3%
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp