27/07/2021 às 07h36min - Atualizada em 27/07/2021 às 07h36min

São Paulo, Mato Grosso do Sul, e sul de Minas Gerais e Rio de Janeiro. Episódios de geadas são previstos para todos estes Estados

De acordo com os dados do site Clima-tempo uma nova frente fria chegou ao País já nesta segunda-feira, 26, e pode se tornar a mais forte já registrada em 2021.

REDAÇÃO
J15MNEWS

O avanço de uma nova frente fria associado a uma intensa massa de ar polar deve diminuir as temperaturas no sul, sudeste e Centro-Oeste do País ao longo desta semana. Segundos os dados meteorológicos  emitidos pelo INMETE em boa parte das regiões, deve se intensificar  entre quinta-feira, 29, e sexta-feira, 30, com temperaturas negativas e geadas previstas em ao menos sete Estados. No  Rio Grande do Sul, Santa Catarina e Paraná pode receber neve nestas áreas.

De acordo com os dados do site Clima-tempo uma nova frente fria chegou ao País já nesta segunda-feira, 26, e pode se tornar a mais forte já registrada em 2021.


São esperadas temperaturas negativas para Rio Grande do Sul, Santa Catarina, São Paulo, Mato Grosso do Sul, e sul de Minas Gerais e Rio de Janeiro. Episódios de geadas são previstos para todos estes Estados, porém devem ser mais intensos no Sul do País.

Na serra gaúcha o frio pode ser ainda pior no sábado, 31. O Clima tempo prevê que a região, assim como a área serrana de Santa Catarina, possa alcançar, ao longo desta semana, um novo recorde de menor temperatura em 2021, chegando a valores entre -8°C e -10°C.

Entre quinta e sábado, os três Estados do Sul do País podem registrar a ocorrência de neve. O fenômeno decorre da combinação das baixas temperaturas com o aumento da umidade proporcionada por um ciclone extratropical, localizado no litoral da região.

Os efeitos da frente fria também podem chegar a Estados da região Norte e nordeste, mas em menor intensidade. O Climatempo alerta que o frio deve continuar durante o início de agosto, com chances média e alta de geada no Sudeste e sul do Brasil.


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
visitas

242503

views

670232

A pandemia de covid-19 colocou o mundo diante de um dilema: com o número de casos explodindo e um estoque limitado de doses de vacinas, quem deve ser imunizado primeiro?

36.6%
63.4%
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp