26/04/2021 às 08h13min - Atualizada em 26/04/2021 às 08h13min

​ONDA VERMELHA :As cidades de Ouro Branco, Congonhas e Lafaiete regridem para Onda Vermelha.

A flexibilização já aconteça nesta semana, onde os números de internações e ocupação de leitos de UTI ainda são expressivos.

REDAÇÃO
J15MNEWS
Com fila de espera registradas para conseguir UTI de covid-19 no Estado, as cidades de Ouro Branco, Congonhas e Lafaiete regridem para Onda Vermelha.

A fila que parece pequena agora, aponta quadro delicado de toda região, e com afrouxamento das medidas restritivas a vida de muitos podem se perder por falta de leitos. Nas últimas horas nenhum dos hospitais das macrorregiões dispõem de vagas em UTI, veja os dados emitidos do dia 25.

Conselheiro Lafaiete:

A ocupação dos leitos em Lafaiete neste domingo, 25/04, está em 100% em leitos de UTI e 36,49% em clínicos.
Agora aguardam vagas em UTI: 03 (três) pacientes já cadastrados no SUS Fácil. Além destes, na Policlínica encontra-se também 01 (um) paciente cadastrado no SUS Fácil que aguarda transferência para leito clinico.

Congonhas:

A ocupação de leitos de clínicos para pacientes com coronavírus está em 64% e de UTI está em 100%.
 
Barbacena:



Nos hospitais das três cidades que fazem parte do Sistema Único de Saúde (SUS), todas as vagas de UTI estão ocupadas.

No dia 05/04 “Unaí Tupinambás, integrante do comitê e professor da UFMG disse que o mês de abril,  promete ser um mês mais letal do que foi março. Podendo chegar a 4 a 5 mil óbitos por dia”



 
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
visitas

245321

views

677083

A pandemia de covid-19 colocou o mundo diante de um dilema: com o número de casos explodindo e um estoque limitado de doses de vacinas, quem deve ser imunizado primeiro?

36.6%
63.4%
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp