07/04/2021 às 07h12min - Atualizada em 07/04/2021 às 07h12min

Força de segurança do Estado criaram documento que orienta profilaxia

Documento que circula em grupos de militares não obriga os médicos militares "a adotarem quaisquer protocolos sugeridos, sendo apenas mais um referencial bibliográfico".

JOTA B SILVA
J15MNEWS
JOTA B SILVA
As forças de Segurança  do Estado  Polícia Militar (PM) e Corpo de Bombeiros elaboraram juntos um documento que  orienta os  militares a seguir um tratamento precoce contra a Covid-19 em Minas Gerais.

O documento foi criado  é  assinado por uma "Comissão técnica referência do Comitê Covid  da PMMG/CBMMG  e tem como finalidade orientar  tratamento preventivo e imediato da Covid-19" para seus soldados).
 

Por meio de nota, as duas  instituições  disseram que "o arquivo citado trata-se de minuta de um documento, ainda em avaliação, que contém orientações para médicos e pacientes que optarem por aderir às recomendações".


Os autores documento  afirmaram que "cada paciente deve ter sua avaliação e prescrição individualizada, além do segmento clínico. A referida minuta não vincula e não obriga os médicos militares  "a adotarem quaisquer protocolos sugeridos, sendo apenas mais um referencial bibliográfico".
 
Segundo a Associação dos Praças Policiais e Bombeiros Militares de Minas Gerais (Aspra), 1.067 bombeiros testaram positivo para a Covid-19, sendo que 11 morreram. Entre os policiais militares, o número é maior: foram 7.722 casos confirmados e 160 óbitos em decorrência da doença.

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
visitas

242503

views

670232

A pandemia de covid-19 colocou o mundo diante de um dilema: com o número de casos explodindo e um estoque limitado de doses de vacinas, quem deve ser imunizado primeiro?

36.6%
63.4%
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp